Assassin’s Creed Unity: muito caos em Paris e nada de loading

A série Assassin’s Creed é uma das franquias de maior sucesso da Ubisoft e é claro que a empresa investe pesado a cada nova empreitada. E com o mais novo título da série, Assassin’s Creed Unity,não será diferente.

O game — exclusivo da nova geração — foi apresentado durante a Comic-Con pela equipe de desenvolvimento, incluindo Aisha Tyler, o diretor criativo Alex Amancio, o ator Dan Jeanotte (voz de Arno) e o cocriador da série The Walking Dead, Tony Moore.
Durante o painel, a equipe comentou uma série de aspectos que devem fazer parte do novo game, incluindo como será o mundo gigantesco construído para a aventura. Segundo a equipe, por se passar durante a Revolução Francesa, a história permitirá que multidões estejam nas ruas o tempo todo, dando muita liberdade para novas histórias paralelas e narrativas como nunca antes foi visto na série.
A cidade será muito mais viva e independente. Diversos acontecimentos podem e vão ocorrer com ou sem a participação do jogador, e esse tipo de imprevisibilidade deve deixar o mundo do jogo muito mais caótico, fazendo com que o herói precise escolher como reagir diante das diferentes situações apresentadas.

Um detalhe muito interessante comentado é que os tempos de carregamento diminuíram consideravelmente: “Quando você entrar em Paris, não haverá loading”, declarou a Ubisoft.
A equipe também disse que está trabalhando na personalidade de Arno e que ele deverá ter um bom senso de humor. O personagem deve crescer durante a aventura conforme o tempo passa, pois ao buscar seus objetivos, ele perceberá que existem coisas muito mais importantes acontecendo à sua volta.
O herói também será personalizável através de itens que podem ser coletados e habilidades específicas que poderão ser trabalhadas de acordo com o seu perfil de jogo.

Comentários

comentários

About The Author

Related posts