Com bundles e sem Kinect, Xbox One domina as vendas de consoles na Black Friday dos EUA

O Xbox One pode até estar em segundo lugar na disputada corrida entre os consoles de nova geração, mas na Black Friday, o videogame representou 53% das vendas totais de consoles nos Estados Unidos.

O Playstation 4 ficou em segundo lugar, com 31% das vendas. O Xbox 360, da geração anterior, aparece em terceiro lugar, com 9%, seguido pelo Wii U, nova geração da Nintendo, com 6% e pelo Playstation 3, com 1% de todos os sistemas comercializados no país.

O levantamento foi feito pelo InfoScout, que garimpou as notas fiscais “uploadeadas” por 102 mil usuários da página para chegar à conclusão de que 1,5 mil deles haviam comprado consoles.

Desse montante é que saíram as porcentagens, que levam em consideração as compras realizadas em grandes redes varejistas, como Walmart, GameStop, Best Buy, Target e RadioShack.

O principal fator que impulsionou a grande procura pelo Xbox One, segundo a pesquisa, foi o recente corte de preço do console, que deixou de ter o Kinect como obrigatoriedade na compra e passou a valer US$399, o mesmo preço do PS4 na versão mais básica.

Com os preços caem ainda mais na Black Friday, era possível encontrar o videogame da Microsoft, no modelo mais básico, por preços na casa dos US$300, e em pacotes com blickbusters como “Assassin’s Creed: Unity”, “Sunset Overdrive” e “CoD: Advanced Warfare” por volta dos US$330.

Dessa forma, nem mesmo o histórico do PS4 de vendas superiores nos EUA combinado com pacotes que traziam “GTA V” e “The Last of Us Remastered” na Black Friday, foram capazes de competir com a aceitação crescente do Xbox One por lá.

No geral, as vendas dos consoles de nova geração assim: PS4 com 15 milhões, XOne com 8 milhões e Wii U com 7,5 milhões.

Comentários

comentários

About The Author

Related posts